ASTECA


Metalúrgicos de todo o país debatem Reforma Trabalhista nesta sexta (29)


Em luta contra, categoria promove encontro em São Paulo

Escrito por: Luiz Carvalho com informações do Brasil Metalúrgico • Publicado em: 28/09/2017 - 17:07 • Última modificação: 29/09/2017 - 10:09

 

 

Organizações sindicais de todo o Brasil que compõem o movimento Brasil Metalúrgico se reunirão nesta sexta-feira (29), em São Paulo, para discutir como a categoria de trabalhadores da indústria irá se contrapor aos retrocessos previstos na Reforma Trabalhista implementada pelo ilegítimo Michel Temer (PMDB).

A Plenária Nacional prevê a participação de mais de mil dirigentes e acontecerá no CMTC Clube (leia mais abaixo), a partir das 9h, com representantes da CUT, Força Sindical, UGT, CTB, CSB, Conlutas, Intersindical e CGTB.

O debate também colocará na mesa um manifesto conjunto sobre as reformas, além do Dia Nacional de Protestos previsto para 10 de novembro.

De acordo com o secretário-geral da CUT-SP e dirigente de base metalúrgica, João Cayres, a ideia é formar uma frente de resistência, inclusive com a participação de outras categorias como químicos, petroleiros e eletricitários, aos empresários que tentam até mesmo antecipar os efeitos da reforma.

“Nosso movimento vai discutir a unidade na luta para garantir a manutenção dos direitos que conquistamos e que a reforma propõe destruir e também como serão as próximas campanhas salariais. Isolados, sabemos que não avançaremos e que a indústria tende a sofrer graves retrocessos sob esse governo entreguista. Propusemos, inclusive, que as outras centrais também abracem a campanha da CUT para coletar assinaturas em defesa de um projeto de lei de iniciativa popular que revogue a Reforma Trabalhista”, explicou.

A agenda de lutas priorizará as seguintes pautas:

* Contra o fim dos direitos sociais e trabalhistas;
* Em defesa das conquistas das Convenções Coletivas;
* Contra o desmonte da Previdência Pública;
* Pela geração de empregos de qualidade;
* Em defesa do Contrato Coletivo Nacional;
* Em apoio aos servidores públicos;
* Contra a privatização da Eletrobras e demais empresas de setores estratégicos para o País.

Mais informações:
https://www.facebook.com/brasilmetalurgico

Serviço:
Plenária Nacional dos Trabalhadores da Indústria
Data: 29 de setembro (sexta-feira)
Horário: 9h às 14h
Local: CMTC Clube - Avenida Cruzeiro do Sul 808 (próximo à estação Armênia do metrô) - São Paulo/SP

Fonte: INFORMATIVO CUT BRASIL

Comentários