ASTECA


Advogados debatem formas de reação à reforma trabalhista no setor do comércio


• 27/7/2017 - quinta-feira

A Federação dos Comerciários do Estado de São Paulo realiza sexta (28), a partir das 9 horas, o 10º Congresso de Advogados das Entidades Sindicais Comerciárias. O evento, que reunirá profissionais das assessorias jurídicas dos 71 Sindicatos filiados, ocorrerá na nova subsede da Fecomerciários em Campinas e tem como tema os “Impactos da reforma trabalhista na dignidade humana do trabalhador”.

Os advogados debaterão os efeitos da reforma com desembargadores, procuradores e juízes do Trabalho. Várias autoridades no assunto foram convidados a fazer palestras, para expor as consequências das novas regras nas relações capital e trabalho no setor do comércio.

“Vamos discutir, além da reforma, assuntos ligados à saúde no trabalho e meio ambiente. Mas, inevitavelmente, a nova legislação, que passa a vigorar em novembro, será amplamente debatida”, afirma Luiz Carlos Motta, presidente da Fecomerciários e coordenador geral do evento.

O dirigente disse à Agência Sindical que o Congresso será uma “grande troca de experiências”. Motta explica que a Federação, maior entidade representativa dos trabalhadores no comércio em todo o Estado, deve organizar novos encontros para aprofundar o debate sobre o enfrentamento à nova lei e à precarização do trabalho no setor.
“A situação requer uma presença ainda mais efetiva dos nossos departamentos jurídicos e diretores nas bases, para evitar abusos e a retirada de direitos dos trabalhadores”, diz.

Demarcação - Para o advogado João André Vidal de Souza, que participa da organização dos congressos jurídicos da Fecomerciários, o evento “vai ser um divisor de águas”. “O 10º Congresso ocorre em um contexto inédito de ataques aos direitos trabalhistas. Por isso, será um fórum privilegiado para analisar e definir como será a postura da Federação e seus filiados ante a aprovação da nova lei trabalhista”, observa.    

“A partir de agora, teremos que analisar todos os casos por um tripé: a CLT, a nova legislação e o direito comparado”, avalia.

Convidados - Estão confirmadas as presenças do procurador do Trabalho Ronaldo José de Lira; dos desembargadores João Batista Martins César e Francisco Alberto da Motta Peixoto Giordani; além dos juízes Carlos Eduardo Oliveira Dias e Jorge Luiz Souto Maior, entre outros.

Mais informações: www.fecomerciarios.org.br

Fonte: Repórter Sindical

Comentários